Como viajar para o exterior em épocas de dólar alto?

Como viajar para o exterior em épocas de dólar alto?

Dólar exorbitante, e logo vem à mente: agora é que eu não viajo mesmo!! Opa, peraí, já ouviu aquela frase que “no meio de qualquer dificuldade é que encontramos as oportunidades”, isso mesmo, em época de câmbio elevado surgem oportunidades que você nem imaginava! Já postei aqui como planejamos as nossas viagens e agora vou complementar com algumas dicas de como viajar  para o exterior em épocas de dólar alto.


A ESCOLHA DO DESTINO

Viajar para o exterior não significa necessariamente gastar em dólar ou euro, você pode optar por destinos com moedas mais atrativas como a América do Sul, Leste Europeu ou Sudeste Asiático. Caso esteja pensando em um destino novo, que tal considerar estes? E dica é o que não falta…abaixo listamos algumas dicas de destinos dos nossos amigos blogueiros para você se inspirar e pensar em “não gastar em dólar/euro”:América do Sul: Buenos Aires, Patagônia, BolíviaUruguai.

Buenos Aires é uma ótima opção para turismo na América do Sul

Leste Europeu: Praga, + PragaBudapeste, + BudapesteCracóviaPolônia e Transnístria (vc já ouviu falar nesse lugar??).

Praga no Leste Europeu vem atraindo cada vez mais turistas. (Foto Viajando por Ai)

Sudeste Asiático: Indonésia, VietnãTailândiaMalásia, Camboja, Filipinas, Myanmar e Planejamento.

O Sudeste Asiático está cada vez mais atrativo em termos financeiros para os brasileiros. (Foto: Vietnã por Ideias na Mala)

Com tanta dica de lugar bacana, já deu pra perceber que vai dar para viajar pro exterior  com o dólar alto, hein?



A PASSAGEM
A passagem aérea representa quase 20% do orçamento total da sua viagem, então, nada melhor que pechinchar nessa hora. Já repararam que no último mês o que não faltam são promoções de passagens aéreas principalmente para os Estados Unidos? Só para ter uma ideia, em Setembro/15 encontrei o mesmo trecho que fiz há dois anos para NY, 30% mais barato. Mas se você não quer ficar esperando por promoções a dica é fazer uma pesquisa semanal e ir anotando o valor dos trechos a cada dia, assim quando for comprar você terá a ideia se o preço é justo ou se estará pagando mais. Outra dica é registrar seu e-mail em sites como Skyscanner e Decolar e receber a notificação a cada alteração do valor. Com as pesquisas em mãos, você terá noção da hora certa de comprar e esteja pronto!
Já entre as cidades, não é difícil achar passagens nas companhias low-cost com preços bem atrativos (já vi promoção entre cidades americanas por 1 dólar!!), mas cuidado, todo o resto é cobrado à parte nessas companhias, até a primeira mala, ou seja, se for utilizar essas companhias reduza o máximo sua bagagem.  
SEJA FLEXÍVEL

Ok, a viagem dos seus sonhos é Paris, mas já que o euro não ajuda, que tal continuar na Europa mas em países mais baratos (apesar do euro)? A Fabi do Blog Viagens e Vivências esteve recentemente na Holanda e Bélgica e uma semana depois seguiu para Portugal e comprovou que lá é um dos países mais baratos da Europa! E nós assinamos embaixo: Portugal é lindo e delicioso!!! E assim como Portugal, outros países menos badalados são mais acessíveis financeiramente.

 

Portugal destaca-se como um dos países mais baratos da Europa, sem falar na gastronomia maravilhosa!!!

 

HOSPEDAGEM

Como economizar na hospedagem sem abrir mão do conforto? Mais uma vez  dica é ficar de olho nas promoções e nos descontos oferecidos. Minha primeira opção de pesquisa é o Booking, e não sei se vocês já perceberam mas quando você faz login passa a ter acesso a descontos exclusivos de assinantes, descontos bem atrativos por sinal (alguns chegam a quase 40%!). E não é pegadinha, fiz o teste com e sem login e as diárias do mesmo hotel alteraram o valor! Outra opção é pensar em hospedar-se em Hostel, que ao contrário do que muita gente pensa, são um tipo de hospedagem bem confortável e em conta, deixe o preconceito de lado e conheça um!!

ALIMENTAÇÃO

Esse é um  item complicado quando falamos em economizar, pois somos daqueles que não abrimos mão da comida quando estamos viajando, mas isso não significa que jantamos sempre em restaurantes renomados regados à vinho e espumantes, rs, apenas pagamos o que for preciso para estarmos bem alimentados e procuramos não pular refeições e nem trocar o almoço por fast food, por exemplo. Como costumamos “beliscar” ao longo do dia, acaba que nas refeições principais não estamos tão esfomeados!!! rsrs
Vimos que o tem funcionado nas últimas viagens é procurar restaurantes longe de áreas turísticas ou optar por aqueles bem conhecidos pelas porções generosas, como o Carmine’s em Nova York (peça prato para 2 se estiver em 3 ou 4) ou o The Chessescke Factory (as massas são muito bem servidas, combine com uma entrada e pronto!!) em várias cidades americanas. E conto mais, não deixe de provar a comida local por achar “cara”, você já veio até aqui, se dê esse prazer! Prove comidas de rua, de food trucks, passe num supermercado e leve algumas comidinhas para o Hotel, ou faça piquenique ao ar livre com produtos sofisticados (sim, por que na França por exemplo, queijo brie, salmão defumado, com croissant, vinhos e champanhe sai muito mais barato que no Brasil, mesmo em euro!!!).
E por falar em vinhos, e fugindo do assunto do post, que saudades dos vinhos (maravilhosos) na Europa por 5 euros no máximo, das cervejas americanas, enfim, entre num supermercado mesmo que não pretenda comprar nada e faça a comparação com nossos preços!
TRANSPORTE
Esqueça seu carro confortável, ou o táxi, por que na maioria das cidades europeias e americanas o transporte público funciona e uma boa forma de economizar é comprar os passes semanais ou mensais, dependendo do tempo que você for ficar. Mas caso seu destino não tenha um sistema público bacana, procure mais uma vez pelas promoções de aluguel de carros e não deixe para reservar pessoalmente pois você pagará preço de balcão que pode chegar a ser 3 x mais caro! Nos EUA, reservar um carro por 3 dias é o mesmo valor de uma semana, nesse caso compensa pegá-lo por mais dias.
Nos EUA você aluga um carrão por 1/3 do que pagaria no Brasil, e a reserva de uma semana custa o mesmo que a de 3 dias
Mas o carrão é raro!! Em 90% das nossas viagens a gente anda mesmo é de busão, metrô e puxando mala na rua!!

COMPRAS

Sinto muito, não queria ter que te falar isso, mas esqueça as compras nessa época de real desvalorizado, pelo menos aquelas coisas que você comprava e nem sabia quando iria precisar, mas “como tá barato, melhor levar né?” e foque no que realmente vale a pena. Tenho percebido que alguns produtos não estão mais tão vantajosos como antes, óculos por exemplo, aqui no Brasil você encontra Ray Ban por 120 dólares se for converter, e ainda pode parcelar, ao contrário de lá nos EUA, onde em 2013 e agora em Maio de 2015 só encontrei a partir de 150 dólares. Pense antes de viajar em tudo o que você pensa em comprar e já pesquise os preços aqui no Brasil para poder decidir se vale a pena ou não comprar no exterior.

Mas o mesmo não posso falar em relação a determinadas marcas de roupas, eletrônicos e perfumes, onde ao meu ver, apesar do câmbio ainda estão compensando comprar lá fora. Apple é tabelado o que vai variar é o imposto.

FIQUEM LIGADOS NAS NOSSAS PARCERIAS 
E não é só com a hospedagem e passagem aérea que você pode conseguir aquela economia!! Aqui no nosso blog procuramos fechar parcerias para que vocês economizem nas suas viagens e divulgamos tanto aqui quanto no Instagram e no Facebook. Um deles é o Seguro Saúde de Viagem da IAC Travel que dá um super desconto aos nossos seguidores de 30% até DEZ’2015, e depois dessa data o desconto passa a ser de 15%, basta acessar o site e utilizar o código VAMOSVIAJARBR (tudo junto e maiúsculo). Além disso, vendemos o Chip da Americanet Mobile para você economizar nas suas ligações internacionais e uso de internet 3G ou 4G!!! Fiquem de olho nas nossas redes sociais que estaremos sempre divulgando nossas parcerias e promoções.
DICA FINAL
E pra terminar, para continuar viajando minha dica e conselho é: tente guardar algum dinheiro da sua viagem pensando nas próximas, falo isso por experiência própria. Em 2013 quando fui para Nova York comecei a ter essa consciência, sobraram alguns dólares e pensei: ou faço compras que não estou precisando ou guardo para uma próxima viagem, e assim fiz. O que economizei já levei para a viagem do Havaí e mais uma vez já voltei pensando na próxima. Ou seja, viajei em 2015 com alguns dólares ao câmbio ainda lá de 2013! Por mais tentador que sejam os preços, tente resistir se realmente aquilo não te fará falta e não será necessário, suas próximas viagens esperam por você e por seus dólares!!!!
E se você conseguir voltar com dólar, guarde pras próximas férias!!!

 

 

Veja também:

Largar tudo e viajar Meses atrás “bombou” na web um artigo onde a autora falava do desejo de largar tudo e ser feliz, “A geração que encontrou a felicidade no pedido de de...
Wish List de viagens…já fez a sua?? E chegamos à metade de 2016! E como passou rápido!!! Você lembra dos planos e desejos que fez no Reveillon? Lembro da minha primeira meta e que co...
Como planejamos nossas viagens Para começar esse post vou logo respondendo: Não, eu não sou rica! Sim, eu trabalho e muito!!! Pronto! rs! Sou uma pessoa normal e dependo das min...
Comprar um carro ou viajar? Chega uma hora na vida que você precisa fazer escolhas, e começa a fazer exatamente o que tem vontade e não o que os outros acham que é o corr...

5 Comentários



  1. Excelentes dicas, também gosto muito de viajar, e todas as novas informações que encontro me ajudam demais.
    Parabéns pelo blog, grande abraço!

    Responder

    1. Obrigada!!!!
      Que bacana, viajar é bom demais!!!

      Responder

  2. Larissa. boa tarde. Visitando pela primeira vez o seu blog. Amei. Tenho 45 anos. Adoro viajar. Mas tenho receio em ir sozinha. Então gostaria que vc postasse dicas de destinos/lugares para solteiros. Com indicações de passeios durante o dia e vida noturna.

    Responder

    1. Obrigada, Arleni!! Olha, uma dica que dou é você procurar se hospedar em Hostel e Albergue pois geralmente são lugares onde você encontra pessoas que também estão viajando sozinhas, além do que, acaba tendo um contato maior com os hóspedes. Vou fazer um post com dicas sim, vc tem preferência por país/continente? Abração!!

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *