Dicas de Aruba e Curaçao

Dicas de Aruba e Curaçao

Caribe sempre esteve na minha lista, e finalmente este ano pude conhecer aquele mar incomparável! Como todas as viagens, gostamos de fazer um planejamento para sabermos exatamente se aquele lugar será o escolhido. Com base nas nossas pesquisas em blogs de viagens como o O Tour Nosso de Cada Dia e o Viajando Aprendi, achamos muitas dicas de Aruba e Curaçao que nos encantaram, e escolhemos estas Ilhas para este primeiro contato com o Caribe.

Aruba e Curaçao
Apresento a vocês o mar do Caribe!!! Klein Curaçao!

Aruba e Curaçao faziam parte das Antilhas Holandesas, um território autônomo neerlandês das Caraíbas. Em 1986, Aruba separou-se das Antilhas Holandesas e tornou-se um país do Reino dos Países Baixos. Já Curaçao tornou-se constituinte do Reino dos Países Baixos apenas em 2010, por isso até hoje ainda pudemos perceber fortes traços holandeses. Começamos nossas dicas de Aruba e Curaçao com esse post de dicas gerais para ajudar no seu planejamento:

QUANDO IR

As Ilhas ABC tem um clima tropical e seco com sol praticamente o ano inteiro, e poucos dias de chuva. Aruba e Curaçao têm uma temperatura média de 28º, mar morninho e pancadas de chuva entre os meses de Outubro e Janeiro, mas nada que atrapalhe a viagem já que são chuvas rápidas.

Achei Aruba muito mais quente que Curaçao agora em Setembro/2017. 

Aruba e Curaçao
Aquele pôr do sol inesquecível em Aruba

De Dezembro a meados de Março/Abril é a alta estação, onde tudo consequentemente fica mais caro. Os meses de Julho e Agosto também são considerados bem procurados para o turismo na região.

Um ponto importante a levar em consideração é que no 2º Semestre começa a temporada de furacões no Caribe e América. É bom atentar que as Ilhas ABC, que compreendem Aruba, Bonaire e Curaçao estão fora da rota de furacões, sendo ótimas opções durante todo o ano. Esse foi mais um motivo para escolhermos Aruba e Curaçao!

COMO IR

Do Brasil não temos voo direto, é preciso fazer uma conexão. Fomos de Avianca nos trechos Rio de Janeiro-Aruba e Curaçao-Rio de Janeiro. A Copa também faz esse trecho com conexão no Panamá. Entre as Ilhas, quem faz é a Companhia Insel Air, compramos no site e foi bem tranquilo. O Voo dura cerca de 17 minutos, em um avião duplo hélice com 26 lugares que eu sempre fico tensa só em pensar! rsrs, mas é bem seguro e de boa!!

Aruba e Curaçao

DOCUMENTAÇÃO

Brasileiros não precisam de visto para entrar em Aruba e Curação, e nem de Certificado Internacional de vacinação contra febre amarela. O certificado não é necessário caso você faça apenas conexão em países que o exigem, mas por precaução aconselhamos que você leve. Por exemplo, o nosso voo da volta foi cancelado e precisamos dormir uma noite em Bogotá. Como a Colômbia exige o Certificado, tivemos que mostra-lo na imigração.

Vale também lembrar aqui outro caso que aconteceu com a gente nessa viagem. Com o caso do cancelamento do nosso voo,  a Avianca nos ofereceu uma realocação, mas a maioria dos voos faziam conexão no EUA, e estávamos sem o passaporte com o visto americano (que está no nosso antigo). Duas coisas que aprendemos: viaje sempre com os dois passaportes caso se visto (americano ou outro) esteja em um passaporte já vencido e com o Certificado de Vacinação contra febre amarela!!

IDIOMA

O idioma oficial de Aruba é o papiamento, já em Curaçao é o holandês, mas o papiamento é a língua mais usada. O papiamento é um dialeto exclusivo das ilhas ABC que mistura inglês, espanhol, português e algumas línguas africanas. Como turista, dá pra ser virar muito bem com o inglês e espanhol (quase todo mundo fala as duas línguas) e alguns locais se esforçam para entender o português.

Aruba e Curaçao
Private Island Renaissance

MOEDA

A moeda oficial é o Florim. Florim Arubano em Aruba e Florim das Antilhas Neerlandesas em Curaçao. Tanto em Aruba quanto em Curaçao aceita-se dólar e em alguns locais euro. As contas vem sempre em florim e na maioria dos estabelecimentos, em dólar logo abaixo. Caso não, avise que quer pagar em dólar e confirme o valor. Na maioria dos casos (quase sempre!) o troco vem em florim, mesmo pagando em dólar. Apenas no posto de gasolina pedi que me dessem o troco em dólar pois já íamos embora no dia seguinte e deu certo!!

Em Set/2017, a cotação estava 1,75 (não sei se esse valor é fixo, mas manteve-se o mesmo durante toda nossa estadia em Aruba e Curaçao), bem mais valorizado que nosso real na média de 3,30, diga-se de passagem! O florim também é chamado de Guilders e seu símbolo é o ANG. Ah, e não aconselhamos fazer câmbio nas Ilhas. Leve apenas dólar que é tranquilo!

QUANTOS DIAS FICAR

Ao todo ficamos 4 noites em Aruba e 6 em Curaçao e achamos que foi o suficiente para conhecermos os locais que planejamos. Inicialmente, faríamos apenas Curaçao, mas decidimos dividir com Aruba já que as ilhas são tão próximas umas das outras, e realmente valeu a pena!

Aruba e Curaçao
Klein Curaçao, Curaçao

 

COMO SE LOCOMOVER

Em Aruba e Curação mesclamos nossa locomoção. Em Aruba optamos por não alugar carro. Nos 2 primeiros dias nos hospedamos em Palm Beach e pegamos ônibus (van) para irmos até Eagle Beach e Oranjestad. Já tinha lido no Viajando Aprendi que o Sistema de Transporte Público em Aruba é bem eficiente, por isso tomamos esta decisão. Pensamos em alugar carro para ir até Baby Beach, já que de ônibus teríamos que pegar três conduções, mas preferimos usar o valor do aluguel para curtir a praia dos Flamingos.

Aruba e Curaçao
Kenepa Grandi, Curaçao…uma piscina!!!!

Curaçao é bem maior em extensão que Aruba e as melhores praias são bem distantes. Assim, decidimos alugar carro nos dias que lá estivemos. Mais uma vez fechamos com a Mobility, um carro econômico e foi super tranquilo. Caso você não dirija, a Aline e o Thiago fizeram os passeios,  tanto em Aruba quanto em Curaçao, de taxi. Você pode ver a experiência deles aqui.

Aproveitando, li que em Curaçao o GPS não funcionava muito bem, que era aconselhável pegar um mapa no aeroporto. Mas sabe o que percebi? Muitas ruas não tinham placas com nome, se eu estivesse apenas com o mapa acho que seria complicado. Enfim, nós usamos APENAS o Google Maps e foi super tranquilo. Para dizer que não, apenas uma vez não entendemos muito bem a rota que o GPS direcionava e acabamos demorando um pouco para nos situar. Mas fora isso, o GPS do Google Maps funcionou muito bem na Ilha toda!

ONDE FICAR

Em Aruba encontramos os High-rise Hotels & Resorts, os hotéis altos e os Low-rise Hotels & Resorts, os hotéis baixos. Os low-rise hotels estão próximos a Oranjestad, já em Palm Beach, encontram-se os resorts mais novos, os high-rise hotels. Pesquisando, vi que esses são os melhores locais para hospedagem: Palm Beach e Oranjestad. Ficamos duas noites em cada, para assim poder curtir os dois estilos de Aruba.

Em Palm Beach escolhemos um apartamento a duas quadras da praia, e em Oranjestad no Renaissance Hotel, com a intenção exclusiva de ir para a Flamingo Beach! Uma coisa legal em Palm Beach é que os Resorts possuem um caminho passando por dentro deles, assim você pode ir de um resort para o outro por essa passarela. Dá pra curtir as praias, a área externa (exceto piscina, né?!  vamos combinar!) e usufruir dos restaurantes.

Aruba e Curaçao
Renaissance Hotel

Em Curação, como estávamos de carro e íamos curtir as praias e os Beach Clubs, procuramos um Hotel com uma boa localização, Atlanta Beach Hotel. As melhores áreas na nossa opinião são em Jan Thiel e próximo ao Mambo Beach (que foi onde ficamos). Outra área legal é em Punda, em Otrobanda não achei aconselhável, fomos lá apenas uma noite e não me senti muito à vontade. Ficamos a última noite no Santa Bárbara Beach & Golf Resort, que na nossa opinião é muito bom em termos de estrutura, de resort, mas a sua localização é muito longe de tudo. Um hotel que gostamos bastante foi o Papagayo Beach Resort, e fica a dica como uma ótima opção de hospedagem. Não vi os quartos, mas curtimos muito as praias, a estrutura do local e os restaurantes!

ESTILO DA VIAGEM

As duas Ilhas são indicadas tanto para viagens de Lua de Mel e românticas quanto para quem quer aproveitar com a família e amigos. Percebemos que Aruba é bem indicada para viagens com crianças, mais até que Curaçao, que também não deixa de ser!! Se só puder escolher uma Ilha para ir com crianças indicamos Aruba. Se for para Lua de Mel, aconselhamos as duas.

Aruba e Curaçao
As Ilhas são perfeitas para uma viagem a dois!

O QUE FAZER

Esse é um item que iremos falar em outro post já que tanto em Aruba quanto em Curaçao fizemos muitas coisas bacanas e que nos deixaram apaixonados por suas praias, restaurantes e clubes.

O QUE MAIS GOSTAMOS

É difícil responder o que mais gostamos nessas Ilhas. Mas posso dizer que sem dúvidas ficamos muito encantados com esse primeiro contato com o mar do Caribe, realmente, surreal!!! E também com as estruturas dos clubes de praias, bem legais para passar o dia, e sentir aquela energia do Caribe.

DICAS FINAIS DE ARUBA E CURAÇAO

– Use muito protetor solar, o sol dessas Ilhas é bem forte e queima muito! Acho que foi a viagem que mais me bronzeei;

– Seguindo a dica da Aline, não leve câmera fotográfica semi ou profissional, já que você vai estar muito tempo na praia, com areia, vento e água salgada. Levamos apenas GoPro e Iphone e foram suficientes;

– Não sei se foi a época, mas não precisamos usar repelente uma única vez. De qualquer forma, não deixe de levar!;

– Leve snorkel e máscara de mergulho, até a praia mais simples é um convite ao mergulho;

– A cor do mar fica mais intensa entre 10hs e 14 hs. Incrível como quando o sol bate dá uma cor muito bonita e diferente de quando não tem sol;

– Leve roupas leves, se tiver aquelas blusas com proteção UV com manga comprida leve também pois será muito útil!! E divirta-se muito!!!

Acompanhem nossos próximos posts!

 

Gostou desse post? Faça suas reservas no Booking por este link, você não paga nada a mais por isso e nos ajuda a manter o Blog!

Veja também:

Roteiro de 6 dias em Curaçao Roteiro de 6 dias em Curaçao para você aproveitar cada canto da Ilha! Na viagem que fizemos ao Caribe, conhecemos Aruba e Curaçao. Já falamos de dicas...
Os melhores Beach Clubs de Curação Beach Clubs em Curaçao são bem comuns. O fato de algumas praias serem privativas deixa os Beach Clubs mais atrativos e a melhor escolha. Curtimos bast...
Flamingo Beach- Aruba A Flamingo Beach em Aruba é uma praia privativa da Ilha do Hotel Renaissance Aruba Resort & Casino. A Ilha é chamada Renaissance Aruba Private Isl...
Roteiro de 5 dias em Aruba Continuando nossas dicas do Caribe com este roteiro de 5 dias em Aruba. Este roteiro pode ser facilmente adaptado para os seus dias na Ilha. Vou coloc...

13 Comentários


  1. Olá Larissa, estamos querendo fazer o roteiro 10 dias Aruba e Curaçao no mês de novembro deste ano. Queria tirar algumas dúvidas com relação a valores. Você achou muito caro a questão de comidas e bebidas? E queria saber se os hotéis que estão em Palm Beach na beira da praia tem o Day Use ou se podemos alugar as cadeiras e barracas do hotel com o serviço de bar. Desde já agradeço.

    Responder

    1. Oi, Elis, tudo bem?
      Então, em relação a comida e bebida achei relativamente caro, principalmente pelo fato da moeda de lá ser convertida a dólar, o que pra nós acaba aumentando…uma média de preços no almoço ou jantar era na média de 80 florins, que dava quase 45 dólares. Em Palm Beach o Restaurante dos hotéis são aberto ao público e alguns tb vc paga pela cadeira de sol. Já em curação tem o esquema dos Beach Club que você paga a entrada ou a cadeira, dependendo dele. Mas, claro, sempre dá pra achar algum lugar mais em conta, nós ficamos num apartamento então tinha cozinha e dava pra comprar comidinhas no supermercado! Qq dúvida pode perguntar!!!!

      Responder






  2. Lariiiiii!!! Que post maravilhoso!!! E suas foros ficaram maravilhosas!!! Fico feliz de você ter curtido os dois países nessa sua primeira experiência no Caribe! Eu amei demais também ter esse contato primeiramente em Aruba e Curacão e morro de vontade de voltar!! Obrigada por indicar o bloguito !!
    Que veja mais Caribe! Mar! Praia! Sol! Vamos Viajar??

    Responder

    1. Aline!!! Vcs foram fundamentais pra nossa escolha!! Segui muuuitas dicas suas!! Amei Caribe e já quero mais!!Tb fiquei com vontade de voltar em breve! Hehehe!Muito lindo!!

      Responder

  3. Que delícia de viagem!! Estive lendo sobre o Renaissance e varias pessoas disseram para nao usar o all inclusive. Vcs foram de all inclusive ? Algo a comentar sobre ?
    Obrigada

    Responder

    1. Olá, Priscila!!
      Obrigada!! Essa viagem é uma delícia mesmo, super indicamos!! Voltamos apaixonados do Caribe!!!
      All inclusive não faz muito o nosso estilo porque gostamos de conhecer os restaurantes e ter outras opções. Preferimos não incluir o all inclusive.
      Mas pedimos café no quarto pela comodidade (que eu aconselho, se vc reservar sem café, é melhor pedir assim que é bem mais confortável e dependendo do que pedir sai até mais barato), e uma noite acabamos jantando lá por causa do horário, mas para jantar eu não gostei muito, sabe? Achei meio fraquinho…Já na ilha privativa, tudo o que o pedimos estava delicioso!! Perto do Hotel tem Pizzaria e outras opções. E como te falei, eu prefiro ter essa liberdade de conhecer outros locais!

      Responder

    1. Que delícia, né, Paty? Essas Ilhas são demais!!!! Bjooos e vem mais por ai!!!

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *