Um final de semana em Camboinhas- RJ

E o Vamos Viajar? inicia esta semana um novo tópico no Blog: Vamos Viajar Convida. Mensalmente contaremos com a colaboração de um amigo, seguidor ou blogueiro convidado para contar alguma experiência bacana de viagem.
E para iniciar este tópico, recebemos as dicas da Monica que foi passar um final de semana em Camboinhas (Niterói-RJ) agora em Fevereiro’14 e nos conta neste post um pouquinho desse cantinho no Rio!! Muito obrigada pela colaboração, adoramos seu relato!!! Vem com a gente!!
O Rio de Janeiro tem muitas atrações mundialmente conhecidas, mas para nós cariocas, às vezes é bom dar uma escapadinha da cidade para descobrirmos outras belezas fora da cidade. E para isso não precisa ir muito longe. Basta atravessar uma ponte para já ter a sensação de estar bem distante do burburinho do Rio.
Nesses dias de muito calor, uma ótima opção é buscar as praias mais afastadas de Niterói, onde não é preciso disputar um lugar na areia nem vaga para carro. A praia escolhida para passar o fim de semana foi a bela Camboinhas.

 Vista panorâmica de Camboinhas

Chegar lá é muito fácil. Ao cruzar a Ponte Rio-Niterói, siga em direção as praias oceânicas. Logo irão surgir as placas indicando Praia de Piratininga, Prainha, Camboinhas, etc. Do Rio até lá demora cerca de 1h sem trânsito. Não pegamos engarrafamento nenhum, porém, não é uma boa opção ir para essa região nos feriados porque fica muito cheio, e os engarrafamentos na ponte para quem vai à Região dos Lagos são famosos por durarem até 8h!
Ao chegar em Camboinhas, a primeira grata surpresa: tudo super organizado. Em toda região oceânica tudo é muito bem organizado e limpo. Os locais para estacionamento são muito amplos. Mas especialmente em Camboinhas, que é conhecida por ser um bairro de classe média alta, as ruas são muito bem cuidadas, todas arborizadas, lindos casarões, muita sinalização e carros parados de forma ordenada. Em frente à praia tinha uma grande placa indicando os estacionamentos 1 e 2 e o lembrete: estacione de forma correta. E o melhor é que são gratuitos.

As belas casas de Camboinhas

É possível aproveitar bem a praia, quase não há ambulantes passando a todo momento e existem mesas e barracas para os banhistas, oferecidos pelos bares da orla onde se pode pedir algo para comer e beber. Muitas pessoas procuram essa praia para a prática de parapente. No sábado tinham vários colorindo o céu azul. Fomos até o ponto de onde saem os parapentes, fica no Mirante de Camboinhas e o voo custa a partir de R$ 200,00. A vista é realmente muito bonita. Logo ao lado fica o Mirante do Sossego, cuja vista dá para a Praia do Sossego e para a Prainha.

 Chegando na praia

Vista do Mirante do Sossego

 Uma dica é ficar na praia até o pôr do sol, pois como ao longe é possível ver o Morro Dois Irmãos, que fica no Leblon, RJ, deve ser incrível ver o sol indo embora de outra perspectiva diferente da que os cariocas têm. Como ainda queríamos almoçar num dos points famosos da área, não ficamos na praia até o fim da tarde. Seguimos para o restaurante Seu Antonio, também em Camboinhas. Fácil entender porque o lugar é tão disputado. Para frutos do mar e outras especialidades, é a melhor pedida da região. O restaurante se gaba de ter o melhor bacalhau, e não é à toa. O bolinho de bacalhau é tão crocante e sequinho que é impossível não provar. São levas e mais levas de bandejas com porções de bolinho saindo a todo minuto. Impressionante! Esse é certamente um dos motivos pelo qual o restaurante de ambiente despojado está sempre cheio, e foi por isso que o dono abriu logo em frente o Bar da Fila, dessa forma quem espera para almoçar pode passar o tempo degustando os petiscos no bar. Ou ficar por ali mesmo. 

 Restaurante Seu Antônio
O ambiente informal do Seu Antônio

 E claro, os famosos bolinhos de bacalhau
Para aqueles que desejarem ficar em Camboinhas, existem algumas opções de pousadas e também o excelente Quality Hotel, pertinho da praia. Completo, com ótima infraestrutura oferecendo uma grande piscina externa com bar molhado e uma enorme piscina interna, restaurante, bar, espaço para as crianças e fitness center. Muito tranquilo e com atendimento impecável, vale muito a pena passar a noite lá e aproveitar mais de Camboinhas. Perto dali tem o restaurante japonês Gendai, perfeito para um jantar mais leve.
No domingo então a grande pedida era a piscina maravilhosa desse hotel, ótima para relaxar, e as praias vizinhas. Para quem quiser conhecer mais um pouco da região, tem também a bela Lagoa de Itaipu e várias outras atrações da Orla de Niterói. Uma indicação imperdível para quem estiver de visita por lá é fechar o dia no Olimpo, restaurante fincado na praia de Charitas e onde se tem uma das mais belas paisagens de toda a cidade.

  Hotel Quality Camboinhas
 Calçadão da Praia
 Olimpo –  Projeto de Oscar Niemeyer
 Vista do Olimpo

Por todas essas razões, fugir um pouquinho do Rio no fim de semana é um programa completo tanto para os cariocas como para quem vem de outras cidades, além de uma ótima desculpa para passar um fim de semana tranquilo e preguiçoso com muita praia, sol e boa comida!

Pôr do sol visto do Olimpo

2 thoughts on “Um final de semana em Camboinhas- RJ

  1. Monica, quem sabe, mas preciso ir com mais calma!! Dessa vez vai ser corrido, mas tá anotada a dica!!! Foi um prazer ter você inaugurando essa sessão!!! Muito obrigada!!! Bjossss

O que achou? Dúvidas? A gente adora receber seu comentário!!

%d blogueiros gostam disto: